Tuesday, February 20, 2007

Medo


painting by: Edvard Munch

Tu tens um medo:
Acabar.
Não vês que acabas todo o dia.
Que morres no amor.
Na tristeza.
Na dúvida.
No desejo.
Que te renovas todo o dia.
No amor.
Na tristeza.
Na dúvida.
No desejo.
Que és sempre outro.
Que és sempre o mesmo.
Que morrerás por idades imensas.
Até não teres medo de morrer.

E então serás eterno.

Cecília Meireles

Labels: , ,

10 moonlovers:

Blogger Lua Obscura said...

Grande Cecília Meireles...

Thursday, February 22, 2007 3:03:00 pm  
Blogger AMMedeiros said...

Lindo!
Um beijo

Friday, February 23, 2007 4:43:00 pm  
Blogger Lee said...

Posso gritar que ninguém me ouve. Apagaram-se-me os crescendos ideais e resido no Hades, único caminho que encontrei...

Cordiais e blóggicas saudações

Friday, February 23, 2007 5:27:00 pm  
Blogger Moonlover said...

Lua obscura, obg pela visita, tb adorei o teu blog, adoro cinema;)

Ana, obrigada,
beijo gr para ti tb.

lee, aqui na net muita gente te ouve!
saudações cordiais,
moon

Friday, February 23, 2007 7:38:00 pm  
Blogger azzrael said...

Adoro este quadro. Quase que me leva lá para dentro e me incute o medo também. Boa escolha para o poema que escolheste. Para variar, eis mais uma autora que desconheço... é bom vir ao teu blog e ler sobre quem não sei!
um beijo muuuuuuuuuuito grande!!
um beijinho..

Friday, February 23, 2007 8:39:00 pm  
Blogger Moonlover said...

Azzrael, tb descobri um poema fantastico do Fernando Pessoa,no teu Hi5 , estamos sempre a aprender,
beijokinhas boas...

Friday, February 23, 2007 10:49:00 pm  
Blogger sem-comentarios said...

Esse poema da Cecilia Meireles enche-nos a alma :)
Lindo !

Saturday, February 24, 2007 1:30:00 pm  
Blogger cavalo marinho com asas said...

Sim é verdade morre-se e renasce-se a cada dia!!!
Viver é isso mesmo perder e ganhar!!!
E depois talvez morrer n seja assim tão mau!!!
Morrer n é só o fim é tambem a cura!!!
E renascer é tão bom!!!!
Viva!!!!

Sunday, February 25, 2007 11:57:00 am  
Blogger Lata Mágica said...

Lindo poema, com essa imagem consagrada onde mostra que tanto quem sofre do medo e de quem prática o medo, na maioria das vezes tem um medo.

Willam & Odilene

Abraços dos amigos do Brasil, Recife - PE.

Thursday, March 01, 2007 7:32:00 pm  
Blogger Moonlover said...

'Sem Comentários'a Cecilia tem poemas fantasticos e que irei mostrar mais, em breve, obg. beijos

Cavalo Marinho, o bom é saber-te tão bem Amiga, bjs.

Lata Mágica, obg pela visita ;)
eu tambem achei a imagem certa para ilustrar este poema lindo,
bjs deste lado do Atlantico.

Thursday, March 01, 2007 9:20:00 pm  

Post a Comment

Links to this post:

Create a Link

<< Home