Monday, January 07, 2008

Amar


photo by: F.B.

Que pode uma criatura senão,
entre criaturas, amar?
amar e esquecer, amar e malamar,
amar, desamar, amar?
sempre, e até de olhos vidrados, amar?

Que pode, pergunto, o ser amoroso,
sozinho, em rotação universal,
senão rodar também, e amar?
amar o que o mar traz à praia,
o que ele sepulta, e o que, na brisa marinha,
é sal, ou precisão de amor, ou simples ânsia?

Amar solenemente as palmas do deserto,
o que é entrega ou adoração expectante,
e amar o inóspito, o cru,
um vaso sem flor, um chão de ferro,
e o peito inerte, e a rua vista em sonho, e
uma ave de rapina.

Este o nosso destino: amor sem conta,
distribuido pelas coisas pérfidas ou nulas,
doação ilimitada a uma completa ingratidão,
e na concha vazia do amor a procura medrosa,
paciente, de mais e mais amor.

Amar a nossa falta mesma de amor,
e na secura nossa amar a água implícita,
e o beijo tácito, e a sede infinita.

Carlos Drummond de Andrade

Labels: , ,

20 moonlovers:

Blogger Abc Dário said...

Yo, amiga....
Obrigado pelo comentário no blog das letrinhas. As letrinhas agradecem com uma vénia.
Webraços.

Monday, January 07, 2008 9:58:00 pm  
Blogger manolito said...

muy bueno el poema.me encantaría entenderlo bien todo para poder disfrutar enteramente de él.
mirada hacia el infinito.
besosss.

Monday, January 07, 2008 11:01:00 pm  
Blogger Tainha said...

Drummond, um dos meus favoritos Moon. Beijo.

Muitos amores pra ti.

Tuesday, January 08, 2008 1:33:00 pm  
Blogger moonlover said...

abc dário...

yo amigos ;)
obrigada e mts beijos para os dois ;)


Manolito...

non me atrevo a traduzirlo, pero si que es muy bueno,
besazo


Tainha...

pois um dos meus favoritos tb!
obrigada,
um beijo,
moon

Tuesday, January 08, 2008 4:08:00 pm  
Blogger Dias said...

Mesmo para quem não sabe amar, algm tipo de paixão será sua motivação.

Love is not only in the air, its in the blood also.

Abraço envergonhado pelo silencio e beijo lançado lá bem para cima, que chegue à tua nuvem.

O primeiro adoro-te de 2008 merece solenidade...

hum, hum... ADORO-TE MIUDA!!

Tuesday, January 08, 2008 9:51:00 pm  
Blogger moonlover said...

Dias...
Meu querido Amigo, que bom ter-te de volta, já tinha suadades tas tuas visitas aqui;)

Yes love is the blood and sometimes we feel it run thru the body!

Abraçada me sinto pelas tuas palavras.

O primeiro adoras-me cheio de carinho,

hum, hum...Adoro-te Miudo ;)
um beijazo do teu tamanho
moon

Tuesday, January 08, 2008 10:07:00 pm  
Blogger moimeme said...

Amei o poema!

Não conhecia!

beijo grande e feliz 2008

Wednesday, January 09, 2008 7:39:00 pm  
Blogger moonlover said...

moimeme...

;) bigada, feliz 2008 para ti tb,

um beijo,
moon

Wednesday, January 09, 2008 10:48:00 pm  
Blogger isabel victor said...

"Amar a nossa falta mesma de amor (...)"

Sábia e bela a poesia de Drumond, de que tanto gosto. Tanto moon !


Bj* de sonhar ao luar ...

Thursday, January 10, 2008 12:07:00 am  
Blogger Flash said...

Como deve ser bom nascer poeta...

Sem mais comentários...

Beijo

Saturday, January 12, 2008 1:51:00 pm  
Blogger moonlover said...

Isabel...
Linda! essa frase!
um blogbeijo
moon

Flash...
Boa :)
mas de certa forma, és um poeta da música :)
um beijo
moon

Sunday, January 13, 2008 5:16:00 pm  
Blogger João Barbosa said...

:-)

Saturday, January 19, 2008 7:51:00 pm  
Blogger moonlover said...

João Barbosa...

;-)
obg pela visita,
um beijo,
moon

Sunday, January 20, 2008 9:51:00 am  
Blogger Dias said...

E prontos... apanha uma pessoa sem saldo no telemovel e já não se distrai de tanto amar.

NÃO TE DISTRAIS pelo menos ATÉ 2038

Adoro-te B

Fica MUITISSIMO bem

Friday, January 25, 2008 2:08:00 am  
Blogger moonlover said...

Dias...

não só...mas tambem ;)

estou sem net por motivos de mudança de servidor, mas apartir de Fevereiro... I'll be back, eheheh

dorotú muchissimo,
um beijo nada distraido,
*b

Friday, January 25, 2008 6:25:00 pm  
Blogger AMMedeiros said...

Vim no rastro de uma estrela, guiada pela luz do luar, deixar um beijo a esta Amiga que sempre me soube apoiar.

Dois beijos infinitos

(de quem ama a Lua e tenta vencer as adversidades)

Ana e o Herói

Monday, January 28, 2008 9:43:00 pm  
Blogger moonlover said...

Ana...
Dois beijos me vieste deixar
daqueles que eu espero sempre
que venham de par em par
é o que eu tenho em mente ;)

sem ter mt jeito
fico muito contente quando recebo
dois beijos de ti e do Héroi

espero em breve ter a honra de vos conhecer

dois beijos enoooooormes
moon

Tuesday, January 29, 2008 12:20:00 am  
Blogger vila trenca said...

Hola.
hacía unos dias que no visitaba este querido espacio..
veo que sigue con fuerza y con posts,realmente bellos...
Espero haber ententido un 70 % al menos de ese poema,es bien lindo y profundo...
Como se dice por aquí:
Que bonito tiene que ser ,nacer poeta...

gracias

Tuesday, February 12, 2008 7:01:00 am  
Blogger vila trenca said...

Hola.
hacía unos dias que no visitaba este querido espacio..
veo que sigue con fuerza y con posts,realmente bellos...
Espero haber ententido un 70 % al menos de ese poema,es bien lindo y profundo...
Como se dice por aquí:
Que bonito tiene que ser ,nacer poeta...

gracias

Tuesday, February 12, 2008 7:01:00 am  
Blogger moonlover said...

Vila Trenca...
Hola Lluis, gracias por visitarme ;)

Realy I have been without internet since begining january so I've been away too!
Keep coming by, I always apreciate your visits,
a big hug,
moon

Tuesday, February 12, 2008 9:08:00 pm  

Post a Comment

Links to this post:

Create a Link

<< Home